Você sabe o que é memorial de cálculo? Olhando esta pergunta nós imaginamos que seja algo muito complexo e que parece ser impossível de se fazer, certo? Bom, vou tentar te mostrar que isso não é verdade e que este termo é muito importante para o desenvolvimento de um projeto.

De modo geral, o memorial de cálculo nada mais é do que um documento oficial, o qual consta toda a metodologia desenvolvida para a elaboração do projeto.

O memorial de cálculo deve ser elaborado de modo a conter todas as informações referentes aos cálculos desenvolvidos ao longo do projeto, as medidas e normas que foram utilizadas e seus resultados obtidos.

Em casos de fiscalização, é um dos documentos que será exigido, pois ele é a garantia de que o projeto foi realizado dentro de todas as normas vigentes. Portanto, durante sua elaboração, devemos levar em consideração a variedade de normas existentes para cada tipo de produto.

Sendo assim, requerir um memorial de cálculos junto a entrega de um projeto, é de suma importância para:

– Garantir a segurança do projeto.
– Facilidade de alterações futuras no projeto. Com o memorial de cálculos, toda a metodologia para o desenvolvimento de um produto é documentada, tendo claro o que e como o projeto foi realizado.
– Gestão de conhecimento para o desenvolvimento de produtos. Uma vez que troque o responsável por desenvolver um produto dentro de uma empresa, por exemplo, outra que assuma esta atividade já terá toda a documentação pronta para a execução de um novo projeto.
– Adequar as normas para realização de um projeto.
– Facilitar a detecção de erros em projetos.
– Gerar melhorias e correções.

Através deste o cliente tem a segurança de que o produto está apto a atuar no mercado, garantindo o resguardo das pessoas que irão utiliza-lo.

Desse modo, é um documento obrigatório dentro da engenharia, tido como pré-requirisito dentro das NBRS existentes.