O que é Ergonomia?

Ergonomia visa o bem-estar do colaborador nas tarefas laborais, que em consequência, promove dias mais produtivos, além da prevenção de lesões por esforço repetitivo (LER) ou acidentes de trabalho.
Com a Indústria 4.0 tomando cada vez mais espaço, o ambiente de trabalho é o mais afetado para o colaborador que precisa estar bem acomodado para executar as diferentes atividades do dia-a-dia.

 

Como você pode se atentar à ergonomia no trabalho?

Quando não temos o costume de alguma atividade, fica difícil incorporá-la no dia-a-dia, principalmente quando a atividade parece que não dá resultado, e uma ótima dica é parar por uns 5 minutos durante o dia de trabalho e fazer alguns exercícios de alongamento (espreguiçar) e respiração. Atividade que vai relaxar seu organismo e fazer você se sentir melhor quando terminar. Muitas empresas têm adotado esse procedimento através de paradas obrigatórias com o acompanhamento de um profissional de educação física ou fisioterapeuta, por exemplo.
Já falamos aqui no blog também, das 5 maneiras de reduzir custos na sua empresa, e um dos tópicos foi a respeito da disposição dos materiais no ambiente de trabalho, que influência diretamente no rendimento do funcionário.
Além da postura precisamos nos atentar a disposição dos móveis, utilização das máquinas e equipamentos, pois também são fatores que atenuam ou aceleram o desenvolvimento da empresa, e consequentemente diminuem ou aumentam o lucro no fim do mês. Muitas vezes, uma pequena alteração no ambiente ou uma otimização em algum maquinário, resultam em um melhor aproveitamento nos processos da empresa, tanto para os funcionários quanto na redução de custos com manutenção de máquinas para a mesma.

 

Por que você precisa de ergonomia no trabalho?

Não apenas no trabalho, mas em qualquer atividade que necessite esforço físico ou que seja frequente, exige-se que seja feito de maneira a não desgastar algum músculo, articulação ou prolongar os ciclos dos equipamentos utilizados. É questão de saúde e também de redução de custos.
Analisar o funcionamento das máquinas, se atentar ao manuseio destas pelos colaboradores, prestar atenção em como se levanta um objeto do chão, até mesmo onde você deixa seu telefone, também podem prejudicar no seu desempenho. Essas simples atividades parecem inofensivas, mas o somatório de diversos pequenos erros ao longo de um grande período de tempo, podem resultar tanto em uma lesão em um funcionário quanto em um mal funcionamento de um equipamento, ambos não produzindo de maneira eficiente.

 

Que benefícios um ambiente ergonômico pode trazer?

Quando um colaborador está cercado de conforto, tanto em escritório quanto em chão de fábrica, ele se sente menos cansado, tem menos incidência de doenças imunológicas e se sente mais motivado a se desenvolver mais e produzir mais pela empresa. E quando este produz mais e com mais qualidade, tanto o empregado quanto o empregador são beneficiados, pois o resultado do bom desempenho refletirá diretamente no lucro e desenvolvimento da empresa como um todo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *
You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>